Computadores Lenovo vem com adware de fábrica

A fabricante de computadores Lenovo foi forçado a remover um adware oculto chamado de “Superfish” que foi enviado em seus laptops e PCs após muitas reclamações de seus usuários o qual especialistas afirmaram que comprometia a segurança do sistema, além de exibir anúncios sem o consentimento dos usuários através dos navegadores do computador, tudo feito a base de técnicas parecidas com a de hackers que enviam malwares.
Lenovo adware
Lenovo enfrenta questões sobre por que e por quanto tempo ela praticou esse esquema de instalar esses adwares nas maquinas, também se investiga quais tipos de dados possam ter sido coletados.

A empresa disse à BBC em um comunicado: “A Lenovo removeu o Superfish dos pré-carregamentos de novos sistemas de consumo em janeiro de 2015. Ao mesmo tempo que o Superfish desativado das máquinas da Lenovo existentes no mercado.”

Superfish foi pré-carregado para um número seleto de apenas modelos de consumo. A Lenovo está investigando completamente todas e quaisquer novas preocupações causadas pelo Superfish. Usuários começaram a reclamar sobre Superfish em fóruns da Lenovo no outono, a empresa disse à BBC que ele foi enviado “em uma pequena janela de outubro a dezembro para ajudar os clientes a descobrir produtos interessantes durante a época de compras”.

É claro que as pessoas que utilizaram o produto não gostaram da ideia e não viram vantagem alguma nesse “beneficio” imposto pela Lenovo.

No mês passado o administrador do fórum Mark Hopkins disse aos usuários que “devido a alguns problemas a empresa tinha “removido o Superfish temporariamente do nosso sistema de consumo até o momento que o Superfish for capaz de fornecer uma compilação de software que aborda estas questões”.

Ele acrescentou que havia solicitado que a questão Superfish teria uma atualização automática para “unidades já em mercado”.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply